Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/7131
Title: Fenomenologia da percepção no afastamento cultural: no cuidado de militares em missão no exterior (Namíbia)
Other Titles: Phenomenology of perception in cultural detachment: in the care of military personnel on mission abroad (Namibia)
Authors: Santos, Ricardo Raimundo dos
metadata.dc.contributor.advisor: Silva, Rose Mary Costa Rosa Andrade
metadata.dc.contributor.advisorco: Pereira, Eliane Ramos
metadata.dc.contributor.members: Marins, Aline Miranda da Fonseca
Pereira, Eliane Ramos
Issue Date: 2016
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Citation: Santos, Ricardo Raimundo dos. Fenomenologia da percepção no afastamento cultural: no cuidado de militares em missão no exterior (Namíbia). 2016. 51 f. Dissertação (Mestrado Acadêmico em Ciências do Cuidado em Saúde) - Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa, Niterói, 2016
Abstract: INTRODUÇÃO: O estudo em lide busca compreender através de uma perspectiva fenomenológica do ser no mundo de Maurice Merleau-Ponty, como o ser humano percebe o seu afastamento cultural de seu mundo, esse afastamento pode se dar por várias razões, quer seja trabalho, estudo, hospitalização entre outros, porém nesta pesquisa os participantes, aqui vivenciado por militares Fuzileiros Navais da Marinha do Brasil, estiveram afastados por motivo de trabalho, que consiste na assessoria técnica de ensino a uma instituição governamental em outro país, localizada na porção sul do continente africano, a Namíbia um país que por seu crescimento econômico, sua costa e por sua vocação marítima solicitou por meio de um Acordo Bilateral com o Brasil a assessoria técnica para a constituição da marinha daquele País, no que consiste na estruturação, ensino e treinamento. OBJETIVO: compreender sob o olhar fenomenológico o que o afastamento cultural pode impor ao ser humano o distanciamento de sua família, amigos, religião, culinária, folclore, idioma, rotina e outros objetos revelados. METODOLOGIA: O estudo qualitativo conduzido pela perspectiva fenomenológica de Merleau-Ponty, utilizando-se da entrevista fenomenológica que permite ao participante desvelar a consciência com que cada objeto se apresentará e a sua intencionalidade, com também, a influência ou a determinismo na vida do indivíduo e do coletivo. Este estudo obteve a aprovação pelo Comitê de Ética em Pesquisa, do Hospital Naval Marcílio Dias (HNMD), conforme o Anexo B através da submissão deste ao sistema eletrônico da Plataforma Brasil na reunião ordinária de 13 de abril de 2016, sob o parecer número 1.498.667, respeitando-se os princípios da pesquisa com seres humanos, como trata a Resolução 466/12 do Conselho Nacional de Saúde (CNS). RESULTADOS: Alguns aspectos surgiram durante a entrevista fenomenológica, as falas trouxeram percepções culturais e que confrontam com o que é percebido durante a vivência de da experimentação de uma nova cultura, costumes e interpretações diferentes de vida, mas que não são discutíveis, tendo em vista a história de vida de cada um e do seu universo. Algumas percepções são explicitadas com maior amplitude como, por exemplo, a questão racial, que apesar de existente no Brasil, que é percebida com maior intensidade e trazendo falas com indignação, incompreensão e repúdio. A ausência familiar é percebida como uma dificuldade para os participantes, onde relatam a distância, doença de familiares e alguns casos como a dificuldade em administrar a perda de pessoas da família. Alguns participantes relataram que apesar de participarem de eventos sociais, religiosos e culturais na Namíbia, sentiam a falta daqueles realizados no seu País e que de alguma forma provocaram desconforto e saudosismo, alguns trouxeram falas que citavam os aspectos positivos que lhe traziam sentimentos de conforto e tranquilidade, a exemplo da ausência de congestionamentos e tráfico de drogas, segurança ao transitar nas ruas, a educação da população são condições que proporcionam uma qualidade de vida aos participantes que não são encontrados no Brasil. Com os relatos analisados podemos vislumbrar estratégias que melhor a apropriam esses militares para desempenhar suas funções durante esse processo de afastamento, como também aqueles que pelos diversos motivos supracitados podem estar em melhores condições para o desempenho das diversas atividades quer seja trabalho, ensino ou pesquisa, hospitalização e as demais atividade que ensejam o afastamento cultural do indivíduo
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/7131
Appears in Collections:PACCS - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Ricardo Raimundo dos Santos.pdf616.98 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons