Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/7201
Title: O processo de adoecimento e sofrimento dos trabalhadores na sociedade capitalista: seus rebatimentos no setor de Call Center
Authors: Santos, Karen da Silva
metadata.dc.contributor.advisor: Sirelli, Paula
metadata.dc.contributor.members: Rosa, Letícia Barros Palma
Cruz, Suenya Santos da
Issue Date: 2018
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Citation: sem ficha catalográfica
Abstract: O estudo tem como objetivo analisar o processo de adoecimento da classe trabalhadora no ramo do Call Center em uma empresa instalada no município de Macaé, relacionando o processo de adoecimento com as mazelas do capitalismo na sua fase de acumulação flexível, tendo como protagonistas a intensificação do trabalho, a flexibilidade e a precarização da vida e do trabalho. O estudo foi orientado por uma gama de autores marxistas, bem como, das obras realizadas pelo próprio Karl Marx, que fundamentaram as análises e reflexões acerca de trabalho e das relações sociais e de produção que se refletiram historicamente pelo mundo. A partir desse entendimento, foi apontado que o processo de adoecimento da classe trabalhadora é gerado de forma determinada pelo modo de produção vigente, que desconsidera as condições de trabalho e vida dos sujeitos e impõe suas “regras” e “normas” para que os trabalhadores se submetam a fim de garantir minimamente condições para sua sobrevivência. Contudo, vemos através desse estudo - e daqueles que este estudo foi baseado -, que apesar de minimamente garantir a sobrevivência financeira, esse sistema tem adoecido e enfermado o trabalhador de diversas formas tanto física, mental, quanto emocionalmente.
metadata.dc.description.abstractother: The study has an objective at the process may not be found in the market work, and the precariousness of life and work. The study was guided by a series of Marxist writers, as well as works by Karl Marx himself, which are based on research and reflections on work and social and production actions that have been reflected historically by the world. From this point of view, it was pointed out that the process of production of the working class is generated in order to become productive, which disregard it as a working condition and the life of the subjects imposes its "rules" and "norms" so that the workers to ensure minimum conditions for their survival. This method had its purpose of being based, and although it was a little financed, the system became more sick and worker of diverse forms so much as physical, mental, as much emotionally.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/7201
Appears in Collections:RGS - Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC KAREN DA SILVA SANTOS- PDF CERTO.pdf1.02 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.