Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/7331
Title: Estratégia saúde da família: uma reflexão bourdieusiana
Authors: Siqueira, Jaira Calil
metadata.dc.contributor.advisor: Monteiro, Rodrigo de Araújo
metadata.dc.contributor.members: Monteiro, Rodrigo de Araújo
Silva, Claudio Araújo de Souza e
Fazzioni, Natália Helou
Issue Date: 12-Dec-2017
Abstract: A proposta trazida pela Estratégia Saúde da Família (ESF), instituída pelo Ministério da Saúde e implantada pelas Secretarias Municipais de Saúde, envolve uma reorientação do cuidado, com foco na promoção da saúde. Para tanto, preconiza-se a atuação de uma equipe interdisciplinar que possa perceber o indivíduo, e não o doente, inserido em uma coletividade. Nesta lógica há que se mudar a prática assistencial hegemônica centrada no profissional médico, na perspectiva curativa e medicamentosa. Este estudo tem por objetivo analisar as percepções da equipe de enfermagem sobre o papel do médico e a sua lógica assistencial junto à ESF, diante do novo modelo de atenção básica à saúde. Trata-se de uma pesquisa qualitativa, com roteiro semiestruturado, aplicado em entrevistas realizadas com um enfermeiro e cinco enfermeiras da ESF do município de São João da Barra e analisadas à luz da sociologia de Bourdieu. Os resultados obtidos sugerem que a criação de um instrumento normativo não é capaz de mudar práticas hegemônicas, que, em razão de certo poder simbólico, mantêm-se reconhecidas socialmente, reproduzindo a estrutura hierárquica vigente no campo da saúde.
metadata.dc.description.abstractother: The proposal suggested by the Family Health Strategy (ESF), established by the Ministry of Health and implemented by the Municipal Department of Health involves a reorientation of care, with a focus on health promotion. In order to realize it, it is recommended the performance of an interdisciplinary team which can notice the individual, not the patient, inserted in a collective. In this logic it is necessary to change the hegemonic care practice concerning about the medical professional, under the curative and medication perspective. This study aims to analyze the perceptions of the nursing team about the role of the physician and his care logic with the ESF, in face of the new model of basic health care. This is a qualitative research, with semi-structured script, applied in interviews with a male nurse and five female nurses of the ESF of the city of São João da Barra and analyzed in the light of the sociology of Bourdieu. The results suggest that the creation of a normative instrument is not capable of changing hegemonic practices, which, due to a certain symbolic power, remain socially recognized, reproducing the existing hierarchical structure in the health area.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/7331
Appears in Collections:CGS - Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Jaira Calil Siqueira - Estratégia Saúde da Família_uma reflexão bourdiesiana.pdf973.38 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons