Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/8079
Title: Desafios da produção de petróleo e gás natural no pré-sal: o caso do CO2
Authors: Soares, Emilaine Maria de Souza Rangel
metadata.dc.contributor.advisor: Ferreira, Geraldo de Souza
metadata.dc.contributor.advisorco: Martins, Fernanda Tardin Moreno
metadata.dc.contributor.members: Lacerda, Rogério Fernandes de
Nege, Kassem Kalife
Issue Date: 2018
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Citation: Soares, Emilaine Maria de Souza Rangel. Desafios da produção de petróleo e gás natural no pré-sal: o caso do CO2. 2018. 74f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia de Petróleo)-Escola de Engenharia, Universidade Federal Fluminense, 2018.
Abstract: No ano de 2006, a Petrobras declarou a descoberta de reservatórios com quantidades significativas de óleo e gás de alto grau API, localizados em uma região abaixo da camada de sal, chamada de Pré-sal, que se estende pelo litoral sudeste, indo desde o estado do Espirito Santo até o estado de Santa Catarina. Por ser uma região nunca antes explorada, a Petrobras deparou-se com inúmeras adversidades no que diz respeito a produção de petróleo na região. A distância da costa, altas profundidades e, consequentemente, altas pressões e temperaturas, a caracterização das rochas do reservatório e a perfuração no sal foram os primeiros desafios. Entretanto, dentre tantos desafios, o alto teor de dióxido de carbono (CO2) presente nesses reservatórios tornou-se um dos obstáculos mais desafiadores na produção de petróleo e gás nessa região, principalmente para os campos de maior produção. Entre esses campos, pode-se citar Lula, o Campo de Sapinhoá e o campo mais promissor, o Campo de Mero. Nesse contexto, este trabalho tem como objetivo identificar as principais dificuldades operacionais de produzir no Pré-sal causadas pela presença de CO2 e avaliar as soluções encontradas para superar esses desafios.
metadata.dc.description.abstractother: In 2006, Petrobras declared the discovery of reservoirs with significant amounts of high API gravity oil and gas, located in a region below the salt layer, called the Pre-Salt that stretches along the southeast coast, going from Espirito Santo until Santa Catarina states. Because this region was not explored yet, Petrobras has faced numerous adversities in terms of oil production in the region. The distance from the coast, high depths and, consequently, high pressures and temperatures, the characterization of reservoir rocks and salt drilling were the first challenges. Due, the high carbon dioxide (CO2) content in these reservoirs has become one of the most challenging obstacles to oil and gas production in this region, especially for the most productive fields. Among them, we can mention Lula, Sapinhoá and the most promising one, Mero. In this context, this work aims to identify the main operational difficulties in the Pre-Salt production, mostly by the presence of CO2 and evaluate the solutions found to overcome these challenges.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/8079
Appears in Collections:TGO - Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Emilaine_TCC_UFF.pdf2.63 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons