Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/8160
Title: Trabalhadores Nordestinos do Setor de A&B - O Exemplo de um Restaurante de São Gonçalo (RJ)
Authors: Carvalho, Caroline Araújo de
metadata.dc.contributor.advisor: Castro, Carolina Lescura de Carvalho
metadata.dc.contributor.members: Fonseca Filho, Ari da Silva
Ferreira, Helena Catão Henriques
Issue Date: 30-Jun-2015
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Abstract: O trabalhador nordestino associa a migração aos objetivos de conquistar melhores condições de vida em outras regiões, por meio de um novo emprego. O setor de restauração é um dos ramos que mais oferece oportunidade a esse público. Diante deste fato, o presente trabalho tem por objetivo pesquisar quais são as percepções dos profissionais nordestinos em relação à gestão de pessoas em seu ambiente de trabalho. O estudo foi realizado em um restaurante localizado na cidade de São Gonçalo, Rio de Janeiro. Para realização da pesquisa de campo, utilizou-se o método qualitativo, associado a três instrumentos de coleta: entrevista semiestruturada com os funcionários nordestinos do restaurante, construção de desenhos com o intuito de aflorar os elementos subjetivos de cada entrevistado e, por fim, observação sistemática da pesquisadora durante as entrevistas. Na análise dos dados emergiram quatro categorias de análise: Processo migratório: Expectativa x Realidade; Exploração do trabalhador; Discriminação/Preconceito; Amadorismo em gestão de pessoas e Sentimento de gratidão. Conclui-se que, mesmo diante de inúmeras dificuldades encontradas ao se adaptar no novo espaço, muitos nordestinos ainda acreditam ser esta uma boa escolha profissional, pois vem na região sudeste, especialmente no Rio de Janeiro, um lugar difícil e desafiador, porém com mais chances de vencer na vida.
metadata.dc.description.abstractother: The northeastern worker associated with migration to the goals to win better living conditions in other regions through a new job. The catering sector is one of the branches that offers more opportunity for this audience. Given this fact, this paper aims to research the perceptions of Northeastern professionals regarding the management of people in their working environment. The study was conducted in a restaurant located in the city of São Gonçalo, Rio de Janeiro. To conduct field research, we used the qualitative method, associated with three collection instruments: semi-structured interview with the Northeast restaurant staff, construction drawings in order to bring out the subjective elements of each subject and finally, observation systematic researcher during interviews. In analyzing the data emerged four categories of analysis: migratory process: Expectation x Reality; Worker exploitation; Discrimination / Prejudice; Amateurism in people management and gratitude feeling. We conclude that, despite numerous difficulties to adapt in the new space, many northeastern still believe that this is a good career choice as it comes in the Southeast, especially in Rio de Janeiro, a difficult and challenging place, but more chances to succeed in life.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/8160
Appears in Collections:GTH - Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC - Caroline Araújo de Carvalho.pdf852.95 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.