Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/8309
Title: O medo no horizonte teórico da ciência política: algumas reflexões sobre os tempos modernos e contemporâneos
Authors: Ferreira, Flávia Mendes
metadata.dc.contributor.advisor: Serra, Carlos Henrique Aguiar
metadata.dc.contributor.members: Lemos, Carlos Eugênio Soares de
Ferreira, Luiz Otávio
Issue Date: 2010
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Abstract: O objeto de estudo desta pesquisa é o medo. O trabalho se dedica ao estudo do medo como uma das principais características da sociedade pós-moderna no limiar do século XXI. O objetivo é compreender como se dá a questão do medo na vida dos sujeitos na pós-modernidade. Para tanto, foi feita análise de autores clássicos da Teoria Política como Thomas Hobbes, e sua formulação do surgimento do Estado a partir do medo da morte violenta e a investigação de Carlo Ginzburg sobre a relação entre a vida e obra de Hobbes, bem como a relação entre medo e religião na formação do Estado moderno. Além da observação de que o medo sempre fez parte da vida dos indivíduos da sociedade ocidental, a partir do trabalho do historiador Jean Delumeau. Numa segunda parte da pesquisa nos detemos aos dilemas e incongruências da modernidade e/ou pós-modernidade, e o caráter volátil que a vida tem assumido na pós-modernidade.
metadata.dc.description.abstractother: The object of this study is the fear. The work is dedicated to the study of the fear as a key feature of postmodern society on the threshold of XXI century. Its goal is to understand how the issue of fear in subjects’ life in post-modernity is. Therefore, it was performed an analysis of classical authors of Political Theory as Thomas Hobbes, and his formulation about the emerging of the State from the fear of violent death and the investigation of Carlo Ginzburg about the relationship between Hobbes’s life and work, and also the relationship between fear and religion in the formation of the modern State. Besides the observation that fear has always been part of individuals’ life in Western society, based on the work of the historian Jean Delumeau. In a second part of the research, we turn our attention to the dilemmas and inconsistencies of modernity and/ or post-modernity, and the volatile character that life has taken is post-modernity.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/8309
Appears in Collections:PPGCP -Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação de 2010 Flávia Mendes Ferreira.pdf678.23 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons