Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/8852
Title: Educação permanente: uma estratégia na promoção, prevenção e controle de infecção hospitalar
Other Titles: Permanent education: a strategy in the promotion, prevention and control of hospital infection
Authors: Marteleto, Cristiane de Assis
metadata.dc.contributor.advisor: Valente, Geilsa Soraia Cavalcanti
metadata.dc.contributor.members: Silva, Carlos Magno Carvalho da
Nassar, Pedro Ruiz Barbosa
Issue Date: 2018
Citation: Marteleto, Cristiane de Assis. Educação permanente: uma estratégia na promoção, prevenção e controle de infecção hospitalar, 2018, 110 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Ensino na Saúde) - Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2018
Abstract: O presente trabalho tem como objeto a educação permanente como estratégia para o controle da infecção hospitalar. O objetivo geral foi elaborar um instrumento de avaliação de desempenho da equipe de enfermagem para a implementação da educação permanente, no tocante à prevenção de infecção hospitalar. Como objetivos específicos, estabeleceram-se: identificar os indicadores de processo adotados pela Comissão de Controle de Infecção na Instituição Hospitalar (CCIH); descrever o modelo de gestão da CCIH nessa instituição, a partir dos indicadores de processo recomendados pelo Ministério da Saúde; utilizar os indicadores de desempenho e de processo, com base nas recomendações da CCIH e levantar os índices da instituição hospitalar; analisar o impacto dos indicadores de processo adotados pela CCIH frente aos índices de desempenho demonstrados nas taxas de infecção hospitalar. Como referencial teórico foi utilizada a Portaria 2.616/98 do Ministério da Saúde e Política Nacional de Educação Permanente em Saúde (PNEPS). Trata-se de estudo descritivo e exploratório, com abordagem metodológica quantitativa, pesquisa de campo e análise documental. Os sujeitos da pesquisa foram os profissionais da equipe de enfermagem atuantes na unidade de terapia intensiva. A pesquisa contou com quatro etapas. Na primeira, os dados foram coletados a partir dos documentos que compõem o acervo da CCIH, de onde foram coletadas as taxas de infecção hospitalar na instituição a ser pesquisada, entre os anos de 2015 e o primeiro trimestre de 2018. Estes dados foram tabulados em Excel e tratados em estatística descritiva simples, a partir do instrumento Action Quality. Nas etapas seguintes deste estudo - segunda, terceira e quarta -, foram realizadas oficinas de educação permanente, em que se discutiu sobre indicadores de processo contidos nos documentos da instituição, obtidos a partir das vigilâncias de processos, com vistas à reflexão sobre esses indicadores de infecção hospitalar. Buscou-se analisar a prática dos trabalhadores a partir dos indicadores de processo. Ainda na quarta etapa, uma oficina de educação permanente analisou esses índices e discutir as possibilidades de melhorias nas ações. A pesquisa possibilitou a formulação de produtos, conforme proposta, tais como: três bunbles - a) prevenção de pneumonia associada à ventilação mecânica; b) prevenção de infecção de trato urinário associado a cateter vesical de demora; c) prevenção de infecção primária de corrente sanguínea associada a cateter central. Concluiu-se, a partir desta pesquisa, que a educação permanente em saúde (EPS) é uma ferramenta para potencializar as atividades educativas no âmbito das boas práticas das medidas de prevenção de controle das infecções hospitalares
metadata.dc.description.abstractother: The purpose of this work is to study Permanent Education as a strategy for the control of hospital infection. Its General Objective was to elaborate an instrument of evaluation of the performance from the nursing team for the implementation of the Permanent Education, regarding the Hospital Infection Prevention. As specific objectives: to identify the process indicators, adopted by the Infection Control Commission in the Hospital Institution (Comissão de Controle de Infecção Hospitalar in Portuguese); to describe the management model of CCIH - the Hospital infection control committee, (Comissão de Controle de Infecção Hospitalar in Portuguese) in this institution, based on the process indicators recommended by the Ministry of Health; use the performance and process indicators, based on the recommendations of the CCIH (Comissão de Controle de Infecção Hospitalar in Portuguese) and raise the indexes of the hospital; to analyze the impact of the process indicators adopted by the Hospital Infection Control Commission against the performance indexes demonstrated in Hospital Infection Rates. As a theoretical reference, the Ministry of Health and National Policy of Permanent Education in Health (PNEPS) Ordinance 2,616 / 98 was used. It is a descriptive and exploratory study, with quantitative methodological approach, field research and documentary analysis. The research subjects, professionals of the nursing team working in the Intensive Care Unit. The research consisted of four stages, in the first, the data were collected from the documents that compose the collection of Control Commission in the Hospital Institution (Comissão de Controle de Infecção Hospitalar in Portuguese), from which hospital infection rates were collected at the institution to be surveyed between 2015 to the first quarter of 2018, these data were tabulated in excel and treated in simple descriptive statistics, based on the Action Quality instrument. In the following stages, second, third and fourth, of this study were held permanent education workshops, in these were discussed about Process Indicators contained in the documents of the institution, obtained from the Process Surveillance, with a view to reflection on these indicators of infection hospital. Analyze the Practice of workers from the process indicators and in the fourth stage a Stage permanent education workshop to analyze these indices and discuss the possibilities of improvements in actions. The research made possible the formulation of products, as proposed, such as: three bunbles: Prevention of Ppneumonia associated with mechanical ventilation, Prevention of Urinary tract infection associated with delayed bladder catheter and Prevention of Primary bloodstream infection associated with central catheter. It was concluded from this research that the Permanent Education in Health is a tool to enhance educational activities within the scope of good practices of measures to prevent hospital infection control
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/8852
Appears in Collections:MPES - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Cristiane de Assis Marteleto.pdf5.67 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons