Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/9111
Title: O paciente surdo e suas vivências no sistema de saúde: uma interface com a enfermagem
Authors: Cavagna, Vitor Machado
metadata.dc.contributor.advisor: Andrade, Marilda
metadata.dc.contributor.advisorco: Silva, Wesley Pereira de Jesus
metadata.dc.contributor.members: Andrade, Marilda
Silva, Wesley Pereira de Jesus
Brum, Ana Karine
Rodrigues, Andréa Maria dos Santos
Issue Date: 2011
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Citation: Cavagna, Vitor Machado. O paciente surdo e suas vivências no sistema de saúde: uma interface com a enfermagem. 2011. 94f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Enfermagem) – Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa, Universidade Federal Fluminense, 2011.
Abstract: A comunicação é demonstrada nos meios acadêmicos, com um dos instrumentos básicos da enfermagem, porém, se nos deparamos com um paciente surdo e não temos a capacitação necessária,ficamos impossibilitados de prestar um atendimento efetivo. Objetivo Geral: descrever como o cliente surdo vivencia o sistema de saúde e o atendimento prestado no contexto do Sistema Único de Saúde. Objetivos Específicos: identificar como se dá o atendimento ao paciente surdo; analisar as barreiras da comunicação do profissional de saúde com o surdo e discutir a conduta do profissional de saúde quando este atende um paciente surdo. Justificativa: despreparo dos enfermeiros e demais profissionais de saúde no processo comunicativo com pacientes surdos. Metodologia: Trata-se de um estudo descritivo, de caráter exploratório, com abordagem qualitativa, no qual foi feito levantamento bibliográfico sobre os aspectos gerais do processo de comunicação entre o profissional de saúde e o paciente surdo. Em seguida, realizou-se a coleta de dados no Instituto Nacional de Educação de Surdos(INES), localizado no bairro de Laranjeiras, Rio de Janeiro-RJ. Tal fase foi realizada em duas etapas distintas: uma etapa de observação participante, durante as atividades que se desenvolvem no local e outra etapa onde se realizou a aplicação de entrevistas semi-estruturadas. Os sujeitos da pesquisa foram 15 alunos surdos de ambos os sexos, maiores de 18 anos, estudantes do ensino médio da instituição. Foi necessária a presença de um intérprete para a realização das entrevistas, e este foi cedido pela instituição. A análise dos dados foi realizada através da associação de respostas em categorias temáticas que foram confrontadas com a bibliografia específica sobre a temática tomada para o estudo. Resultados: É notória a opinião dos participantes no que diz respeito a falta de comunicação dos profissionais para com eles, em que muitos sentem-se muitas vezes discriminados, pois, o atendimento não consegue suprir suas necessidades. Conclusão: Faz-se necessário oferecer ferramentas mínimas para que os profissionais possam atender de maneira mais ampla aos pacientes surdos, ferramentas estas que baseiam-se na aprendizagem da linguagem brasileira de sinais(LIBRAS).
metadata.dc.description.abstractother: The communication is demonstrated in the academic times, with one of the basic instruments of the nursery, but, if we face a deaf patient and we do not have the necessary capacity we are unable to give the effective treatment. General Objectives: Describe how a deaf patient lives a health system and the treatment given in the Sistema Único de Saúde context. Specific Objectives: Identify how the treatment to a deaf patient is given; analyze the professional’s communication barriers to the deaf patient; discuss the health professional conduct when answering a deaf patient. Justification: The nurses’ unpreparedness in the communicative process one of the communication difficulties from professionals to auditory deficients come from the clients’ conditions, because the commitment in language acquisition represents an incalculable prejudice, because it can modify the reasoning and thinking process. Methodology: A descriptive study, with qualitative approach, in which an initial bibliographic lifting was done about the general aspects of the communication process between the health professional and the deaf patient. After that, collection of datas was realized in the Instituto Nacional de Educação de Surdos (INES), nestled in Laranjeiras’s neighborhood, Rio de Janeiro. This phase was realized in two different parts: one part of participant observation, during the activities that are developed in the local and the other where thesemi-structured interviews were realized. The subjects of the study were 15 deaf students from both genres, age more than 18 years old, students od High School in the institution. It was necessary an interpreter presence to realize the interviews, who was given by the institution. The analysis from the collection of datas was realized through the answer association in theme categories that were faced to the specific bibliography on the theme taken to the study. Results: It is notorious the participants opinions about the professional communication deficit to them, in which many of them feel discriminated, because, the treatment cannot meet their needs. Conclusion: It is necessary to offer minimum tools so that the professionals can attend in larger way the deaf patients, these tools are based on the Brazilian Signs Language (LIBRAS).
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/9111
Appears in Collections:EEAAC - Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Tcc Vitor Machado Cavagna.pdf347.13 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.