Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/9193
Title: A relação entre os estilos de liderança e a cultura da melhoria contínua: o caso de uma indústria de grande porte
Other Titles: The relation between leadership styles and the continuous improvement culture: the case of a large size industry
Authors: Machado, Edilea Aparecida Ferreira
metadata.dc.contributor.advisor: Andrade, Emmanuel Paiva de
metadata.dc.contributor.members: Andrade, Everardo Paiva de
Ribeiro, Alcimar das Chagas
Issue Date: 2018
Abstract: Esta dissertação teve como objetivo verificar e analisar os Estilos de Liderança e os estágios de Melhoria Contínua presentes nas diferentes unidades (Plantas e Áreas de Apoio) de uma indústria de grande porte, situada no Estado do Rio de Janeiro, e sua influência no desempenho dessas unidades, em relação a indicadores operacionais como Reclamação de Cliente, Absenteísmo e Turnover. Esta pesquisa teve como embasamento teórico a Liderança Situacional de Melo (2004) e os estágios da Melhoria Contínua (MC) indicados por Bessant, Caffyn e Gallagher (2001). Utilizou-se um estudo de caso para investigar as percepções dos líderes e de liderados em relação às duas temáticas principais: estilo de liderança situacional e estágio de melhoria contínua. Para investigar a percepção de líderes e liderados em relação aos temas abordados, optou-se pela estratégia quantitativa de pesquisa, por meio de dois questionários: o questionário de Liderança, que utilizou a Escala de Avaliação do Estilo Gerencial (EAEG), e o Questionário de Melhoria Contínua. Os resultados demonstraram que, na perspectiva dos líderes, a área industrial da organização apresenta uma tendência ao estilo voltado para Tarefa, e na perspectiva dos liderados, o estilo Situacional. Também se verificou, tanto na perspectiva dos líderes quanto na dos liderados, que um maior equilíbrio entre os três estilos de liderança pesquisados e uma maior sinergia entre líderes e liderados promovem um estágio mais avançado de Melhoria Contínua (MC). Além disso, a execução de projetos voltados para MC e um treinamento das equipes desde o início da implantação da cultura da melhoria contínua contribuem para o melhor desempenho da unidade, sendo um dos papéis da liderança proporcionar o treinamento e motivar a participação da equipe na realização de projetos de MC. Esta pesquisa pode colaborar com as organizações que buscam implantar a cultura da Melhoria Contínua ou que estão em processo de sua implantação, identificando habilidades e comportamentos necessários para o atingimento de estágios mais avançados de implantação. Também pode contribuir aos líderes na identificação do seu estilo de liderança e da necessidade de desenvolver habilidades relevantes em sua atuação, relativas à influência de seu comportamento nos resultados da organização, bem como à importância da sinergia, comunicação e capacitação de sua equipe.
metadata.dc.description.abstractother: This dissertation had the objective of verifying and analyzing the Leadership Styles and the Continuous Improvement stages present in the different units (Plants and Support Areas) of a large-sized industry located in the State of Rio de Janeiro, and its influence on the performance of these units, in relation to operational indicators such as Customer Complaint, Absenteeism and Turnover. This research had as theoretical basis the Situational Leadership of Melo (2004) and the stages of Continuous Improvement (MC) indicated by Bessant, Caffyn and Gallagher (2001). A case study was used to investigate the perceptions of leaders and their Team Members, regarding to the two main themes: the situational leadership style and the continuous improvement stage. In order to investigate the perception of leaders and their Team Members in relation to the themes addressed, the quantitative research strategy was chosen, by using two questionnaires: the Leadership questionnaire, which used the Management Style Assessment Scale (EAEG), and the Continuous Improvement Questionnaire. The results showed that, from the perspective of the leaders, the industrial area of the organization presents a tendency towards the Task-oriented style, and from the perspective of their Team Members, the Situational style. It was found, from both leaders and Team Members perspectives, that a better balance between the three styles of leadership surveyed and a greater synergy between leaders and Team Members leaders promotes a more advanced stage of Continuous Improvement (MC). In addition, the execution of projects focused on MC and a due training of team at the beginning of the implementation of the culture of the continuous improvement contribute to a better performance of the unit, being one of the roles of the leadership, to provide the training and motivate the participation of the team in the accomplishment of MC projects. This research can collaborate with organizations that seek to implant the culture of Continuous Improvement or that are in the process of its implantation, identifying the skills and behaviors necessary for the achievement of more advanced stages of implantation. It can also contribute to leaders in identifying their leadership style and the need to develop relevant skills in their performance, related to the influence of their behavior on the organization's results, as well as the importance of the synergy, communication and training of the team.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/9193
Appears in Collections:MSG - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissert Edilea Aparecida Ferreira Machado.pdf1.96 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.