Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/9410
Title: O cuidado de enfermagem na dimensão espiritual aos pacientes em sofrimento psíquicos numa unidade de internação psiquiátrica
Other Titles: Nursing care in the spiritual dimension to patients suffering from psychic illness in a psychiatric hospitalization unit
Authors: Sora, Alciléa Barbosa de Andrade
metadata.dc.contributor.advisor: Pereira, Eliane Ramos
metadata.dc.contributor.advisorco: Silva, Rose Mary Costa Rosa Andrade
metadata.dc.contributor.members: Miranda, Aline
Silva, Rose Mary Costa Rosa Andrade
Issue Date: 2018
Citation: Sora, Alciléa Barbosa de Andrade. O cuidado de enfermagem na dimensão espiritual aos pacientes em sofrimento psíquicos numa unidade de internação psiquiátrica. 2018. 92 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Enfermagem Assistencial) - Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2018
Abstract: A complexidade do cuidado em saúde mental constitui um desafio diário para a enfermagem. Com a doença nos deparamos com o sujeito, com suas vicissitudes, seus problemas, concretos do cotidiano do trabalho, suas famílias, seus projetos e anseios, isto possibilita uma ampliação da noção de integralidade no campo da saúde mental. Neste contexto surge a discussão acerca da relação entre espiritualidade e assistência ao paciente em sofrimento psíquico, uma vez que essa é uma dimensão importante na subjetividade do ser humano. Frente a situação apresentada, se configuram as seguintes questões norteadoras: Qual significado da espiritualidade e suas articulações experienciadas no cuidado em saúde mental? Quais as possíveis intervenções do cuidado na dimensão espiritual ao paciente portador de transtorno psíquico na saúde mental? Como capacitar os enfermeiros acerca do cuidado espiritual e sua aplicabilidade na assistência aos pacientes em sofrimento psíquico? Tendo isso em mente, esse estudo tem como objetivo geral: “compreender o significado da espiritualidade e suas articulações experienciadas pelo enfermeiro no cuidado em saúde mental, como subsídio de intervenção ao paciente em sofrimento psíquico”; e específicos: “descrever as percepções vivenciadas pelos enfermeiros acerca da espiritualidade e cuidado espiritual”, “descrever as estratégias de cuidado de enfermagem na dimensão espiritual para o portador de sofrimento psíquico” e “construir um instrumento de orientação, com intuito de capacitar os enfermeiros sobre o cuidado espiritual e sua aplicabilidade prática na assistência de enfermagem”. Trata-se de um estudo descritivo, exploratório, com abordagem qualitativa, calcado na perspectiva da fenomenologia de Merleau Ponty. A pesquisa tem como cenário um Hospital Municipal Psiquiátrico do Município do Rio de Janeiro, tendo como participantes enfermeiros que atuam nessa unidade de saúde. A técnica de coleta de dados constitui-se de uma entrevista fenomenológica previamente estruturada, no qual foram entrevistados 12 enfermeiros. Os critérios de inclusão foram: enfermeiros que atuam diretamente com assistência em saúde mental com tempo superior a um ano de experiência profissional, e aceite de participação da pesquisa; e como de exclusão: enfermeiros que estiverem afastados da unidade por motivos de férias, licença medica, licença prêmio, afastados, profissionais que possuem menos de um ano de experiência profissional atuando na assistência em saúde mental e o não aceite em participar da pesquisa. Os dados foram devidamente analisados, caracterizados e interpretados a luz da fenomenologia, utilizando-se a análise de conteúdo segundo Amadeo Giorgi, com posterior agrupamento em categorias compreendidos das experiências vividas em relação a um determinado fenômeno. O projeto se encontra em consonância a Resolução nº 466/2012 do Conselho Nacional de Saúde, tendo aprovação do Comitê de Ética e Pesquisa do Hospital Universitário Antônio Pedro, via Plataforma Brasil, sob CAAE nº 83645718.3.0000.5243. Os participantes foram esclarecidos quanto à pesquisa, voluntariado, seus riscos e benefícios, anonimato sobre o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE) e a possibilidade de declínio da pesquisa a qualquer momento. Conclui-se que cuidar de um outro que padece de algum comprometimento psíquico, requer além das habilidades e competências inerentes à função, o desenvolvimento de conhecimentos que torne este profissional empático a este sofrimento
metadata.dc.description.abstractother: The complexity of mental health care is a daily challenge for nursing. With illness we are faced with the subject, with his vicissitudes, his problems, concrete daily work, his families, his projects and his longings, this allows an extension of the notion of integrality in the field of mental health. In this context, the discussion about the relationship between spirituality and patient care in psychic suffering arises, since this is an important dimension in the subjectivity of the human being. In view of the presented situation, the following guiding questions are configured: What is the meaning of spirituality and its articulations experienced in mental health care? What possible interventions of care in the spiritual dimension to the patient with mental health disorder? How to train nurses about spiritual care and its applicability in the care of patients in psychological distress? With this in mind, this study has as its general objective: "to understand the meaning of spirituality and its articulations experienced by nurses in mental health care, as a subsidy of intervention to the patient in psychological suffering"; and specific: "to describe the perceptions experienced by nurses about spirituality and spiritual care", "to describe the strategies of nursing care in the spiritual dimension for the patient suffering from psychic" and "to construct an orientation instrument with the purpose of training the nurses on spiritual care and its practical applicability in nursing care ". This is a descriptive, exploratory study with a qualitative approach, based on the perspective of the phenomenology Merleau Ponty. The research is based on a Municipal Psychiatric Hospital of the Municipality of Rio de Janeiro, with participants as nurses who work in this health unit. The technique of data collection is a previously structured phenomenological interview, in which 12 nurses were interviewed. Inclusion criteria were: nurses who work directly with mental health care with more than one year of professional experience, and accepted research participation; and as exclusion: nurses who are away from the unit for reasons of vacations, medical leave, premium leave, retired, professionals who have less than a year of professional experience working in mental health care and refuse to participate in the research. The data was duly analyzed, characterized and interpreted in the light of phenomenology, using content analysis according to Amadeo Giorgi, with subsequent grouping into categories comprised of the experiences lived in relation to a certain phenomenon. The project is in compliance with Resolution n. 466/2012 of the National Health Council, and approved by the Ethics and Research Committee of the Antônio Pedro University Hospital, via Plataforma Brasil, under CAAE n 83645718.3.0000.5243. Participants were informed about the research, volunteering, their risks and benefits, anonymity about the Free and Informed Consent Term (FICT) and the possibility of a decline in the research at any time. It is concluded that caring for another who suffers from some psychic commitment requires, besides the skills and competences inherent to the function, the development of knowledge that makes this professional empathic to this suffering
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/9410
Appears in Collections:MPEA - Teses e Dissertações

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Alcilea Barbosa de Andrade Sora.pdf3.21 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons