Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/9725
Title: A invisibilização dos marcadores sociais gênero e raça na geografia da Base Nacional Comum Curricular
Authors: Azevedo, Luyanne Catarina Lourenço de
metadata.dc.contributor.advisor: Giordani, Ana Cláudia Carvalho
metadata.dc.contributor.members: Sacramento, Ana Cláudia Ramos
Guimarães, Geny Ferreira
Montezuma, Rita de Cássia Martins
Issue Date: 2019
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Citation: Azevedo, Luyanne Catarina Lourenço de. A invisibilização dos marcadores sociais gênero e raça na geografia da Base Nacional Comum Curricular. 2019. 66f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Geografia) - Instituto de Geociências, Universidade Federal Fluminense, 2019.
Abstract: As temáticas da diferença constituem aspectos políticos e pedagógicos nos currículos da geografia escolar. Este trabalho tem o objetivo de compreender como são apresentados os marcadores sociais de gênero e raça na etapa ensino fundamental do currículo de geografia e na área de Ciências Sociais e Aplicadas da Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Os outros objetivos, que auxiliaram a construir a pesquisa, são: (1) Relacionar espaço, gênero e raça a partir da geografia escolar; (2) Identificar as implicações das discussões de gênero e raça na BNCC no que tange a geografia escolar; (3) Analisar as disputas de narrativas que permeiam a BNCC. A metodologia utilizada centrou-se na leitura e interpretação das políticas educacionais contemporâneas. O percurso metodológico do trabalho se deu nas seguintes etapas: (1) Levantamento bibliográfico sobre de Gênero, Raça e geografia escolar; (2) Leitura da BNCC (etapa ensino fundamental e ensino médio) no que tange o conteúdo de geografia, além da leitura da apresentação e introdução do documento; (3) Produção de tabela contendo a quantidade de vezes e os contextos que as palavras Gênero e Raça aparecem - além das demais palavras chave que foram surgindo ao longo da pesquisa - sexo, feminino(s) masculino(s), mulher(es), homem(s), negra(o), racismo, etnia/étnica, étnico-racial(is), étnico-cultural(is), diferença, diversidade/sociodiversidade e desigualdade; (4) Análise dos dados obtidos – neste caso, acerca das ausências dos marcadores sociais de gênero e raça nos componentes curriculares de geografia da BNCC. A partir das leituras e análises realizadas e da compreensão que uma das funções sociais da geografia na escola como a construção da leitura de mundo para a cidadania e de uma sociedade plural, esta sofre impactos com as políticas educacionais impostas pela BNCC, além de esvaziamento dos potenciais educativos e políticos dos conhecimentos geográficos ao promover a invisibilização dos marcadores sociais gênero e raça.
metadata.dc.description.abstractother: The issues on the question of difference constitute political and pedagogical aspects in the Brazilian geography educational program. This paper aims to understand how the social markers of gender and race are presented in the geography curriculum for the middle school level and in the area of Social and Applied Sciences of the National Curricular Common Base (BNCC). The other objectives, which helped to construct the research, are: (1) The relationship between space, gender and race from the perspective of the Brazilian geography educational program; (2) Identifying the implications of gender and race discussions at BNCC regarding the geography curriculum; (3) Analyzing the narrative disputes that permeate the BNCC. The methodology used focused on the extensive reading and interpretation of contemporary educational policies, according to the following stages: (1) Bibliographic survey on Gender, Race and the Brazilian geography educational program; (2) Reading of the BNCC (middle and high school) regarding the geography curriculum, in addition to reading the presentation and introduction of the document; (3) Production of a table containing the number of times and contexts that the words Gender and Race appear - in addition to other key words that appeared throughout the research - gender, male, female, feminism(s), ethnic groups, racism, ethnicity / ethnical, racial-ethnicity, cultural-ethnicity, difference, diversity / sociodiversity and inequality; (4) Analysis of the data obtained - in this case, about the absences of social markers of gender and race in BNCC curricular components of geography educational program. From the readings and analyzes carried out and the understanding that one of the social functions of geography is the construction of a worldview, of citizenship and of a plural society, the subject suffers great impacts from the educational policies imposed by the BNCC. Among those, the emptying of the political and educational potentials of the knowledge of geography through the promotion of the invisibilization of the social, gender and race markers.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/9725
Appears in Collections:GGG - Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC - Luyanne Azevedo.pdfA INVISIBILIZAÇÃO DOS MARCADORES SOCIAIS GÊNERO E RAÇA NA GEOGRAFIA DA BASE NACIONAL COMUM CURRICULAR1.94 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons