Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/9894
Title: As percepções dos docentes de Sociologia Escolar sobre o uso das TIC’S para o processo de transposição didática
Authors: Costa, Jônatas Sousa da
metadata.dc.contributor.advisor: Silveira, Elisabete Cristina Cruvello da
metadata.dc.contributor.members: Castilho, Sérgio
Zuccarelli, Carolina
Issue Date: 2017
Publisher: Universidade Federal Fluminense
Abstract: Esta monografia apresenta as percepções de docentes entrevistados de Sociologia Escolar sobre o uso das Tecnologias de Informação e Comunicação, TIC’s, no processo de transposição didática. Parte-se da suposição de que as TIC’s servem como instrumentos para a contextualização das temáticas abordadas nas aulas de sociologia em relação à realidade dos estudantes. A pergunta central da monografia verifica como as TIC’s podem beneficiar no processo de transposição didática nas aulas de sociologia da escola básica. Metodologicamente a pesquisa qualitativa fundamenta-se na revisão bibliográfica acerca da transposição didática e o uso das TIC’s na educação, a partir de autores como Geraldo Peçanha de Almeida, Raquel Goulart Barreto, Pierre Lévy, Vani Moreira Kenski, José Armando Valente, Jean-Claude Verhaeghe. Os conceitos norteadores são transposição didática, tecnologia, globalização, socialização e instituição social. Quatro docentes da rede pública (estadual e federal) do estado do Rio de Janeiro são entrevistados. A pesquisa conclui que o emprego crítico das tecnologias de informação e comunicação possibilita o processo de transposição didática, viabilizando uma contextualização empírica das questões sociais, bem como o desenvolvimento da visão crítica da realidade por meio do acesso a diferentes visões de mundo apresentadas na internet como sites de jornalismo, blogs e nas redes sociais. Neste sentido, viabiliza o processo de estranhamento e de desnaturalização das dinâmicas sociais finalidades primordiais da Sociologia Escolar.
metadata.dc.description.abstractother: This monograph presents the perceptions of Faculty of Sociology School respondents about the use of information and communication technologies, ICT's in the didactic transposition process. It is the assumption that ICT's serve as instruments for the contextualization of topics addressed in sociology classes in relation to the reality of the students. The central question of the monograph checks as ICT's can benefit from the process of didactic transposition in sociology classes of elementary school. Methodologically the qualitative research is based on literature review about the didactic transposition and the use of ICT's in education, from authors such as Geraldo Peçanha de Almeida, Raquel George Barreto, Pierre Lévy, Vani Moreira Kenski, José Armando Valente, Jean-Claude Verhaeghe. The guiding concepts are didactic transposition, technology, globalization, socialization and social institution. Four teachers from public (State and federal) of the State of Rio de Janeiro are interviewed. The research concludes that the critical job of information and communication technologies enables the didactic transposition process, enabling an empirical context of social issues, as well as the development of critical view of reality by means of access to different worldviews presented in internet as journalism sites, blogs and social networks. In this sense, makes the process of estrangement and of social dynamics of primordial purposes denaturalization of sociology.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/9894
Appears in Collections:CSO - Trabalhos de Conclusão de Curso - Niterói

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MONOGRAFIA JONATAS SOUSA DA COSTA.pdf940.58 kBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons