Please use this identifier to cite or link to this item: https://app.uff.br/riuff/handle/1/9935
Title: Escola e racismo : uma abordagem discursiva sobre livros didáticos de história
Authors: Mathias Netto, Mário Sérgio
metadata.dc.contributor.advisor: Mariani, Bethania Sampaio Corrêa
metadata.dc.contributor.members: Mariani, Bethania Sampaio Corrêa
Silva, Daniel do Nascimento e
Silva, Silmara Cristina Dela da
Issue Date: 2012
Abstract: Este trabalho é resultado de pesquisa sobre um dos efeitos produzidos pela sanção da lei 10.639, que a partir de 2003, tornou obri8gatório a inclusão de temas relacionados, especificamente, à história e à cultura afro-brasileira, nos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs): a produção de livros didáticos de história voltados exclusivamente para o estudo da história e cultura afro-brasileira em sala de aula em todo território nacional, como forma de combate ao racismo no Brasil.Com o auxílio teórico da Análise do Discurso, tal como é formulada por Pêcheux, na França, e Orlandi, no Brasil, este trabalho propõe, a partir da análise de sequências discursiva recortadas do texto da apresentação e do sumário da obra História e cultura africana e afro-brasileira, de Nei Lopes, questionar até que ponto ela representa um movimento na direção da superação do racismo no Brasil. Entendendo, da perspectiva discursiva, que as palavras assumem diferentes efeitos de sentido, quando enunciadas do interior de diferentes formações discursivas. A análise, ao longo de seu percurso, demonstra que, da posição africanista, os referentes ‘África’ e ‘Negro’ assumem efeitos d sentido inverso - e antagônicos – daqueles produzidos do interior de uma formação discursiva eurocêntrica, em que autores de livros tradicionais de história ocupam uma posição-sujeito para narrar a história (oficial) do Brasil. Dessa forma, constata-se haver tanto no silenciamento da África e da contribuição dos povos negros para a formação do Brasil – na perspectiva de uma his5tória oficial eurocêntrica -, quanto na necessidade de constituição de uma identidade negra na perspectiva do ativista africanista – não um movimento na direção da superação do racismo, mas, antes, um movimento que vai na direção de seu acirramento.
metadata.dc.description.abstractother: This work is a result of research about one of the effects produced by the sanction of Law 10,639, which, from 2003, made it mandatory to include issues related specifically to the history and african-Brazilian culture, in the National Curriculum Parameters (PCNs) : the production of history textbooks devoted exclusively to the study of african-Brazilian history and culture in classrooms throughout the country, as a way to combat racism in Brazil. Based on theoretical analysis of the speech, as formulated by Pecheux, in France, and Orlandi, in Brazil, this paper proposes, based on the analysis of discursive sequences cut from the text of the presentation and summary of History and African culture and african-Brazilian, by Nei Lopes, to ask to what extent it represents a movement toward overcoming racism in Brazil. Understanding that, from the discursive perspective, the words take on different meaning effects, when uttered from within different discursive formations. The analysis, along its route, shows that, from the subject position Africanist, the referents Africa and Black assume different meaning effects – and antagonistic – from those produced in the interior of a Eurocentric discursive formation, in which authors of traditional history books occupy a subject position to narrate the Brazilian (official) history. Thus, it appears to have in the silencing of Africa and of the black people's contribution to the formation of Brazil – from the perspective of an official Eurocentric history – as far as in the need for the constitution of a black identity – from the perspective of the Africanist activist – not a movement toward overcoming racism, but rather a movement that goes in the direction of its intensification.
URI: https://app.uff.br/riuff/handle/1/9935
Appears in Collections:POSLING - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
UFF DISSERTAÇÃO Mário Sérgio Mathias Netto.pdf1.25 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons